Pages

segunda-feira, 23 de abril de 2012



entenda, meu amor: é essa vontade de você que não passa, que não dá trégua, que não dá sossego.
vontade que fala cada vez mais alto, mais suplicante, mais urgente.
e que se ajoelha aos meus pés e implora que e eu te traga mais pra perto cada vez que você se afasta.

é esse sentimento, essa necessidade, que me faz perceber cada mínima parte do seu corpo e faz a minha respiração descompassar;
que me faz esquecer de tudo ao meu redor e só conseguir sentir a sua presença e a distância incômoda entre o seu corpo e o meu.

é tudo culpa desse desejo que não tem hora, não tem lugar, não tem descanso.
das correntes elétricas que perpassam pelo meu corpo quando o seu olhar cruza com o meu e eu sinto a sua pele roçar na minha.

é essa urgência que parece não cessar. 


é esse instinto de te tomar, te devorar, te consumir.

é um querer que me domina e já parece ser parte de mim.

Um comentário:

Rick disse...

É essa necessidade, esse desejo, essa vontade de ver, de ter... Esse desejo que não tem hora nem lugar.
Sei muito bem o que é isso.
Lindo texto moça. Bjws"
Até logo.

-------

Tiver um tempo:
semguarda-chuvas.blogspot.com